Amigo de Bolsonaro tem 117 fuzis apreendidos

A Polícia terminou há pouco a contagem dos fuzis no Méier, em casa de amigo do miliciano Ronnie Lessa, amigo e vizinho do presidente eleito na fraude, Jair Bolsonaro, preso nessa manhã de terça (12) suspeito de ter assassinado a vereadora e militante negra, Marielle Franco.

No total, foram apreendidos 117 fuzis M16, todos da mesma série, desmontados, além de caixas com munições. O dono do imóvel disse não ter conhecimento sobre o conteúdo das caixas, que Ronnie só havia orientado para que não abrisse as caixas, que continham os armamentos.

Essa apreensão de fuzis iguais, empacotados e desmontados levanta a suspeita de que, além de suspeito de assassinar Marielle, o amigo e vizinho de Jair Bolsonaro e do outro suspeito do assassinato (Élcio Queiroz), o pai da ex-namorada de um dos bolsofilhos também seria um traficante de armas.

Fica cada vez mais claro que o “autogolpe” avança, e setores empenhados na disputa de poder já começam a colocar as asas de fora. Ainda hoje, o oligarca popstar Ciro Gomes se manifestou e atacou diretamente o Partido dos Trabalhadores e suas lideranças, além de criticar o golpista Mourão. Fiquemos atentos e vigilantes.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s