“Foram os russos”: Ciro é mais um desinformante golpista dos EUA

Ciro Gomes, para além da suas falsas retóricas e demagogias, tem se revelado um porta-voz da propaganda do Imperialismo norte-americano dentro do Brasil. Dessa vez, o ex-governador, em palestra realizada na Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará, afirmou que as conversas divulgadas pelo The Intercept são fruto do serviço de inteligência russo.

Ver em 6 minutos e trinta segundos

“Tenho certeza, só não posso provar ainda, mas daqui apouco vai ficar claro, que quem fez isso foi um Serviço de Inteligência de algum país estrangeiro”, diz Ciro. Em seguida afirma que é obra da inteligência russa.

É fato que o Brasil é extremamente importante na estratégia comercial e geopolítica russa, em especial para os BRICS. Como também é um fato que o Brasil jamais foi área de influência da Rússia, mas sim dos Estados Unidos. Os russos tiveram a oportunidade de terem trabalhado para dificultar [ou atrapalhar] o golpe contra a presidente Dilma e contra as manifestações da “revolução colorida” em junho de 2013 e ao longo de 2015, porém nada fizeram.

Ciro Gomes tem se esforçado para apresentar-se ao Imperialismo como candidato presidencial viável ao projeto neoliberal fascista do golpe de Estado de 2016. Não é a primeira vez que Ciro faz coro com a propaganda anti-russa para sustentar a Doutrina Monroe contra o Brasil. Durante a fracassada tentativa de invasão a Venezuela, de 23 de fevereiro do presente ano, Ciro divulgou a mentira que a Venezuela havia instalado mísseis na fronteira com o Brasil. “A Venezuela está trazendo para nosso hemisfério atores estranhos (Rússia e China)”, disse Ciro na ocasião.

Em 2016, a genocida Hillary Clinton, responsável pelo assassinato de Muammar Kadafi e 50 mil líbios, foi a primeira a propagandear a tese da espionagem russa. Durante todos os anos seguintes, o governo Trump foi atacado pela suposta colaboração com a espionagem russa contra Hillary Clinton. Desde então, os Russos e Chineses tem servido de bode expiatório para justificar as agressões do imperialismo norte-americano contra os países da América Latina.

Além de reciclar para o povo Brasileiro propaganda suja dos EUA, Ciro tem sido um aliado da nova Ditadura Militar. Em primeiro lugar, ele serve para sustentar a farsa democrática e a fraude eleitoral. Ciro vem elogiando as Forças Armadas e o General Heleno — chamado por ele de “homem de nível, homem sério” — que são responsáveis pela entrega do nosso patrimônio nacional e o desmonte do complexo industrial de defesa do Brasil, colocou sua equipe à disposição do governo golpista e deu orientações ao governo na destruição da Previdência Social, indicando Mauro Benevides Filho como consultor do projeto.

O papel de Ciro Gomes é justamente confundir esse cenário, pois os golpistas sabem que quando o povo não sabe quem são os inimigos e como eles atuam, não saberão como responder e contra-atacar.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s