Sobre a perseguição política aos católicos

A extrema direita católica,  em especial o grupo Centro Dom Bosco,   iniciou uma série de ataques a qualquer pensamento de mudança e renovação na Igreja desde o ano passado. 

Todos aqueles que lutam por uma Igreja inclusiva  sofrem duras perseguições: missa afro invadida na Zona Sul, ataques a padres de esquerda e inclusive ao Papa Francisco, representante do povo de Deus.

A Igreja Católica sempre teve papel de luta e combate às injustiças durante a História.

Os bolsonaristas não são donos do Evangelho e a Teologia da Libertação foi criada para ficarmos perto dos pobres e perto daqueles que mais precisam do Evangelho.

As mentiras de que Lula, Correa e Evo possuem contas milionárias no Banco do Vaticano; as proibições de missas temáticas; a perseguição ao Padre do Ceará Antônio José, de Crateús, além de ataques ao Papa Francisco e ao sínodo da Amazônia não serão aceitos

A Santa Igreja Católica no Brasil é uma das maiores responsáveis por denunciar o atual grau de degradação do neoliberalismo.  O pobre tem que ter voz e vez na Igreja e não podemos ser usados pela mesma extrema-direita que manipula pastores fascistas e milionários para o combate a nossa Igreja.  

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s