Putin consegue beneficiar a Rússia contornando as sanções dos EUA 

Eventos interessantes começam a ocorrer na estratégia geopolítica da Rússia, conforme as sanções norte-americanas se intensificam. 

O presidente russo Vladimir Putin se encontrou com o líder do Irã aiatolá Ali Khamenei onde firmaram uma série de acordos na área de energia, transporte, defesa, comércio e finanças. A Rússia é hoje o país mais sancionado do mundo no momento, e a República do Irã é o país que tem uma longa história de resistência às sanções estadunidenses. Dessa forma, nada mais plausível neste contexto que uma união entre russos e iranianos.

Inclusive, um recente artigo do Wall Street Journal explicou como a pressão dos EUA e seus aliados na NATO levaram Teerã e Moscou, “dois inimigos ferrenhos” dos Estados Unidos, a fortalecer sua aliança para evitar sanções contra eles. 

Na área de defesa, por exemplo, foi firmado um acordo entre Rússia e Irã no valor de US$ 40 bilhões para desenvolver diversos projetos mútuos e comprar os drones iranianos. Quanto à cooperação econômica, o comércio bilateral entre os dois vizinhos aumentou 10% neste ano. Em 2021, o comércio entre as partes aumentou quase 80%, chegando a 4 bilhões de dólares, segundo Moscou.

O Irã lançou um satélite ao espaço com um foguete russo, um verdadeiro marco na cooperação entre os aliados, que de acordo com analistas militares estadunidenses, este mesmo satélite será usado para espionar a Ucrânia. 

Não obstante, a Rússia e o Irã poderão realizar operações bancárias sem se valer da Sociedade de Telecomunicações Financeiras Mundial – o chamado sistema SWIFT, na sigla em inglês, a partir do ano de 2023. Fato decorrente de que, segundo o embaixador iraniano na Rússia, Kazem Jalali, ambos os países estariam trabalhando no reconhecimento dos cartões do sistema de pagamento russo “Mir” e na questão de conectar seus bancos ao SPFS — Sistema de Transferência de Mensagens Financeiras, que é o equivalente russo do sistema SWIFT.

E por fim, no que tange ao setor energético, a Rússia está comprando petróleo do Irã e o revendendo através dele, contornando as tentativas de embargo promovidas pelos EUA. Isso faz com que, além de ambos os países tenham mais condições de disputar este mercado no mundo, também faz com que os EUA não consigam impor sua política de preço do petróleo. 

Neste sentido, o que temos aqui é o próprio fortalecimento das relações bilaterais entre Rússia e Irã, onde estes dois conseguem dar a volta nos embargos dos EUA, fazendo circular seu petróleo no mercado de forma mais perene, revelando a irrelevância das sanções estadunidenses e o desgaste de Washington.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s