Campo de refugiados em Itaguaí é covardemente atacado pelas polícias civil e militar

Na madrugada mais fria no RJ em 10 anos, as três mil famílias do Campo de Refugiados de Itaguaí (RJ) foram acordadas com jatos d’água, barracas incendiadas, bombas e tiros.

Continue lendo